domingo, 20 de abril de 2008

Queria ser um poeta
pra te dizer as palavras
que descrevessem
fielmente
todos os meus sentimentos.
Através dessa imagem
você consegue, muito bem,
registrar
0 verdadeiro símbolo da nossa saudade



Viva mais um dia 20!

Te amo!!!!!!

24 comentários:

Maria disse...

Ôxente, e eu que vou chegar num dia 20.....
O teu Zé é um excelente fotógrafo... e tem Alma!
Parabéns!

Beijos aos dois

Leticia Gabian disse...

Pois é, amiga!
Vais chegar em dia de aniversário...hehehe!

O meu Zé é mesmo um poeta do olhar.

Beijão

Luis F disse...

O Mar de Sonhos está a celebrar o seu primeiro aniversário. Venho assim agradecer a todos os amigos, aos leitores, a todos os que me ajudaram ao longo deste ano de vida.

O meu obrigado pelo vosso carinho e amizade.

Com amizade

Luis F

Luís Galego disse...

o objecto desse poema devia sentir a auto-estima bem no alto....gostei, embora não fosse para mim (lol)

um abraço português

Entre linhas... disse...

Um poema muito sentindo onde a auto-estima é muito sentida e realçada.
Gostei muito.
Bjs Zita

Leticia Gabian disse...

Luis Galego,
Ele sente, sim.

Certamente, já fostes alvo de um poema ou ainda será.

Forte abraço

Leticia Gabian disse...

Olá, Zita!
Bom te ver por aqui!
Beijo grande

Maria disse...

Vim aqui à procura de 20 de Maio.....
... não estava cá...

Beijão enorme aos dois

Leticia Gabian disse...

Pois.....Deixei lá no S&T.

Beijão

Cadinho RoCo disse...

Amar ser amado. Não será este o grande sentido a impulisonar o ser ao seu vedadeiro crescimento?
Cadinho RoCo

Leticia Gabian disse...

Cadinho,
Antes de tudo é preciso amar amar.
Daí, ser amado passa a ser uma esperada consequência.


Boa surpresa te ver aqui!

mundo azul disse...

Que bonita essa sua explosão de amor! Gostei do seu espaço, gostei de você...Voltarei! Beijos e muita luz! (gostei da música também!)

Leticia Gabian disse...

Mundo Azul,
Também gostei muito do seu mundo. É um daqueles lugares onde a gente se sente bem acolhida e de onde se sai impregnada de boa energia.

Deusa Odoya disse...

Oi minha amiga letícia, obrigado pela sua presença em meu cantinho amiga.
Espero que vc tenha gostado.
Voltei, pois me sinto muito bem e suas músicas cativantes.
obrigado amiga e fique na paz.
voltarei sempre.
Regina Coeli.

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Vc é realmente uma mulher como eu, porque há muitas molheres por aí. A nossa categoria é outra. Estou doente,venha visitar-me.
Postei sobre o filme Across the Universe.
Vá lá:
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Um beijo,
RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO

Renata Maria Parreira Cordeiro disse...

Vc é realmente uma mulher como eu, porque há muitas molheres por aí. A nossa categoria é outra. Estou doente,venha visitar-me.
Postei sobre o filme Across the Universe.
Vá lá:
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Um beijo,
RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO

Leticia Gabian disse...

Regina,
Gostei muito do seu cantinho, sim.
Gosto muito de ter aqui no meu.

Beijinhos, querida

Leticia Gabian disse...

Renata,
Espero que fique bem rapidinho.

Beijinhos

O Profeta disse...

Teus olhos são sóis adormecidos
Perdidos no profundo da noite
Luzeiros na procura da aurora
Que viajam sem rumo ou norte

Procuram a ironia do tempo
Os gritos que um rosto apregoa
Uma taça de ouro frio
O tempo que uma alma magoa


Bom domingo


Mágico beijo

Leticia Gabian disse...

Querido Profeta,
Já vou por lá beber do teu novo post.
Beijo grande

O Profeta disse...

De pequena poça fiz um universo
Feito de sete estrelas do mar
Murmurou-me um búzio ao ouvido
O rumo para te encontrar


Boa semana


Mágico beijo

O Profeta disse...

E este Sol impõe a claridade
Pôs no celeste a Lua a bocejar
Perdi a conta das estrelas no céu
Ergui-me em bicos para as contar


Voa comigo sobre as emoções


Mágico beijo

O Sibarita disse...

Minha Cumadi hoje é o que anoversário de namoro?

Seja o que for a senhora estando feliz é o que importa!

bjs
O Sibarita

Leticia Gabian disse...

É, cumpadi....É aniversário de namoro, de feliz encontro e de feliz união.

Abração